Anuncie onde seu cliente também vê!   I    URGENTE: PC prende autor da morte de Beto Cabeleireiro, veja imagens exclusivas   I    Campanha de Vacinação contra a Gripe é prorrogada   I    Na Repórter, Dr. Aníbal diz que médicos do HCI estão com 4 meses de salários em atraso   I    Grupo de enfrentamento à pandemia analisa novas estratégias de atuação   I    Sine/FGTAS tem novo coordenador
16 de março de 2020

RJF visita local incendiado e descobre animais carbonizados, suspeita teria matado ex-marido

Um assassinato abalou a comunidade coronel-barrense na noite da terça-feira, 10 de março. Na ocorrência uma mulher foi apontada como autora de um homicídio, seguido de incêndio criminoso na casa da vítima.

Nesta segunda-feira, 16, a reportagem foi acionada por alguns moradores que, emocionados, relataram a morte proposital de animais durante o incêndio criminoso. No vídeo abaixo, o repórter Janio Fernandes mostra detalhes do cenário do crime.

O CRIME

Um reservista do Corpo de Bombeiros foi morto a tiros na noite desta terça-feira, 10, em Coronel Barros. Segundo relato de vizinhos, Abílio Antônio Porto da Silveira foi morto pela ex-companheira que, após o crime teria provocado um incêndio que consumiu uma moradia.

Ainda conforme relatos a suspeita é procurada por guarnições da Brigada Militar. A mulher, identificada como Isabel, fugiu em um veículo Focus. Equipes do IGP de Santo Ângelo foram acionadas para levantamentos do crime. Equipes do Corpo Bombeiros estão no local fazendo o rescaldo do fogo.

O crime, segundo informações, ocorreu em uma pista de rodeio, no interior de Coronel Barros.

A PRISÃO

A suspeita de matar o ex-companheiro e atear fogo na casa dele em Coronel Barros, no Noroeste do Rio Grande do Sul, teve a prisão decretada pela Justiça. Segundo a Polícia Civil, a mulher de 48 anos segue internada no hospital após uma tentativa de suicídio.

De acordo com investigação da polícia, a mulher teria matado o ex-companheiro com quatro tiros. Após o crime, ela teria incendiado a casa dele. Ainda segundo o delegado, durante a fuga, ela tentou se matar ao tomar uma grande quantidade de medicamentos.

A mulher foi encontrada pela Brigada Militar cerca de três horas depois do crime. Ela estava desacordada na Rua João Peter Krombauer, no Centro da cidade, em frente ao próprio carro. Próximo, foram encontrados uma arma, quatro cartuchos usados e um intacto, frascos de medicamentos vazios e também uma carta.

“Na carta ela admitiu o crime, disse que matou por amor e explicitou detalhes íntimos do casal, ficando nítido o motivo fútil do delito”, explicou o delegado.

A suspeita foi autuada por homicídio qualificado por motivo fútil e incêndio, informou a polícia.

Fonte: REPÓRTER Janio Fernandes/Globo.com

Notícias Relacionadas

  • URGENTE: PC prende autor da morte d...

    2 de junho de 2020
  • URGENTE: Pai e Filha morrem vítima ...

    31 de maio de 2020
  • Coronel Barros um município pujante...

    30 de maio de 2020
  • Mais duas armas são apreendidas pel...

    30 de maio de 2020

PUBLICIDADES

PUBLICIDADES



NOTÍCIAS NO SEU E-MAIL

Cadastre-se para receber.

Entre em contato conosco



(55) 9 9186-3339 Ijuí/RS / CEP: 98700-00
Copyright 2019 ® - Todos os direitos reservados